Há mais pessoas a morrer em Portugal, revela INE

Agência Lusa , BMA
18 abr, 15:08
Ministra da Saúde inaugura nova Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de Santa Maria

Nascimentos e número de pessoas a casar também aumentaram

O número de mortes em Portugal aumentou 11,9% em março, face ao mesmo mês do ano passado, totalizando 10.754, revelou esta segunda-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com as estatísticas vitais, que reportam dados mensais, morreram em março de 2022 mais 92 pessoas do que em fevereiro.

Em relação ao mesmo mês de 2021, morreram mais 1.144 pessoas (+11,9%). “O número de óbitos devido a covid-19 ascendeu a 644, representando 6% do total de óbitos”, segundo os dados do INE.

Relativamente a fevereiro de 2022, o número de óbitos devido a covid-19 diminuiu (menos 470). Face a março de 2021, morreram mais 142 pessoas por esta causa.

Mais nascimentos

Já os nascimentos, em fevereiro de 2022, aumentaram, com 6.088 nados-vivos registados, um aumento de 6,2% relativamente ao mesmo mês de 2021.

O saldo natural foi -4.558, “desagravando-se relativamente ao período homólogo de 2021, quando o valor foi de -7 027.

Portugal celebrou em fevereiro deste ano, 1.401 casamentos, “correspondendo a 7,9 vezes o número de casamentos realizados no mês de fevereiro de 2021 (+1 224 casamentos)”.

Relacionados

País

Mais País

Patrocinados