Andebol: FC Porto vence Sporting com jogo de luxo de Pedro Cruz

18 dez 2021, 19:42

Triunfo por 31-30. Número nove dos dragões fez 16 golos. Leões seguem líderes, mas agora à condição

Num clássico entre equipas que só contavam por vitórias os seus jogos no campeonato, o FC Porto recebeu e venceu o Sporting por 31-30 no Dragão Arena, este sábado, em jogo de acerto de calendário, da 11.ª jornada. Pedro Cruz, com mais de metade dos golos dos dragões (16), foi a grande figura da partida.

O Sporting foi a primeira equipa a marcar, por Salvador Salvador, tendo assumido o comando quase total da primeira parte, depois do 1-1 de Rui Silva, aos dois minutos. Carlos Ruesga fez o 1-2 logo a seguir e a equipa de Ricardo Costa superiorizou-se no jogo para ir aumentando a vantagem.

Aos 12 minutos, os leões chegaram ao 4-7 no marcador, estabelecendo aí a maior diferença, perante um FC Porto que estava com dificuldades em contrariar a agressividade e a concentração defensiva do adversário. As exclusões iniciais de Daymaro Salina e Pedro Valdés, naturalmente, também não ajudaram.

Ao quarto de hora, Jens Schongarth fez o 5-9 e o Sporting conseguiu manter a diferença nos quatro golos até ao 7-11, apontado por Francisco Costa, numa altura em que Magnus Andersson fez uma alteração que, não só mas também, ajudaria o FC Porto a recuperar no marcador: Mitrevski sentou-se no banco e Frandsen saltou para a baliza.

FC Porto-Sporting: todo o filme do jogo

Com o aproximar do intervalo, o FC Porto aproximou-se do Sporting, à boleia da impressionante eficácia de Pedro Cruz, que assinou novo empate na partida aos 28 minutos, com o 14-14. O mesmo Pedro Cruz, a cinco segundos do intervalo, deu a primeira vantagem no jogo aos dragões, num livre de sete metros que ditou o 15-14 ao intervalo. Manuel Gaspar e Yassine Belkaied ainda foram lançados no lugar de Matevz Skok para travar os dois últimos sete metros de Pedro Cruz na primeira parte, mas o ex-Águas Santas mostrou-se em dia sim, com nove golos na primeira meia hora. Marcaria mais sete na segunda.

Uma segunda parte que começou equilibrada, com o marcador a alternar entre vantagens de um ou dois golos do FC Porto e o empate, várias vezes alcançado pelo Sporting que, porém, não conseguiria voltar a assumir o comando da partida, numa total antítese ao que se viu no primeiro tempo nesse aspeto.

Os minutos finais acabaram por ser decisivos, com dois golos num ápice, aos 54 minutos, por Pedro Cruz e Leonel Fernandes, a darem o 28-26 e a encaminharem o triunfo da equipa da casa, que ainda chegou ao 30-27 e ao 31-28 e acabou por levar a melhor pela margem mínima, depois de Gassama e Natán Suárez terem reduzido no último minuto, na sequência da exclusão de Fábio Magalhães, que deixou o FC Porto com menos um.

Com este resultado, o Sporting segue líder, com 40 pontos, mas tem agora o FC Porto mais perto, com 39 pontos e menos um jogo. Natán Suárez, com sete golos, foi o melhor marcador dos leões e o segundo máximo goleador do jogo, mas bem longe dos números que Pedro Cruz mostrou.

_

Jogo realizado no Dragão Arena.

Ao intervalo: 15-14.

FC PORTO: Nikola Mitrevski (gr), Sebastian Frandsen (gr); Pedro Valdés (1), Victor Iturriza (1), Pedro Cruz (16), Diogo Oliveira, Djibril M’Bengue, Rui Silva (1), Daymaro Salina (3), Ivan Sliskovic, Leonel Fernandes (3), Diogo Branquinho, António Areia, Miguel Alves (5), Jesús Hurtado, Fábio Magalhães (1).Treinador, Magnus Andersson.

SPORTING: Matevz Skok (gr), Manuel Gaspar (gr), Yassine Belkaid (gr); Edmilson Araújo (1), Francisco Costa (4), Natán Suárez (7), Jonas Tidemand (3), André José, Carlos Ruesga (3), Salvador Salvador (2), Arsenashvili Erekle, Mamadou Gassama (1), Francisco Tavares (1), Jens Schongarth (5), Josep Folqués, Martim Costa (3). Treinador, Ricardo Costa.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados