Eurovisão 2023: Os rankings que deixam o coração de Mimicat apertado

CNN Portugal , MCP
6 abr, 19:17
Mimicat (Festival da Canção 23)

Mimicat vai representar Portugal na 67ª edição do Eurovisão. O que dizem as apostas quando se fala de "Ai Coração"

Desgostos de amor, possessão demoníaca ou guerra na Ucrânia: há todo o tipo de canções nesta 67.ª edição do Festival da Eurovisão 2023, que vai decorrer desde 9 a 13 de maio. Conhecidas então as 37 canções dos concorrentes, chega o momento dos palpites. Quem vai ganhar, quem vai chegar à final e quem fica pelo caminho?

Apesar de tudo o que se possa dizer, as escolhas, as classificações, as críticas, que se vão vendo ou ouvindo são subjetivas. E os prognósticos de nada valem enquanto os intérpretes não chegarem ao palco de Liverpool em maio. Mas que os há, há.

Por exemplo, o ranking onde o Eurovision World vai seguindo, anualmente, as “odds” de quem sai vencedor de cada Festival - e que inclui 17 casas de apostas - mostra como a canção de Mimicat “Ai Coração” ocupa o 27º lugar, representando menos de 1% de hipóteses de ganhar o páreo. A liderar esta lista estão os países favoritos Suécia, Finlândia e Ucrânia.

Já numa análise feita pelo correspondente musical da BBC, Mark Savage, Mimicat foi vista em muito boa conta tendo em conta as críticas a outros intérpretes, mas, pelo estilo “similar” que apresenta com a representante de França, poderá sofrer em comparação com La Zarra - que, para o crítico, será a vencedora. Mas acrescenta sobre a cantora portuguesa: “Mena venceu no processo de seleção de Portugal apesar de estar com faringite, então imaginem do que ela será capaz em Liverpool”. 

Para que Maria Isabel Lopes Mena (Mimicat) alcance o honroso momento da final, precisa, claro, de ultrapassar o dia 9 de maio - a primeira semifinal - que será bastante disputada. Entre os 15 artistas (desse dia) que ambicionam um espacinho entre os 10 classificados, Portugal ocupa o 11º lugar, com 56% de hipótese de chegar à final (dizem as "odds". Tudo é volátil nesta competição, mas, para já, o coração de Mimicat continua sem sossego.

Relacionados

País

Mais País

Patrocinados