Treinador do Pumas explica como seduziu Salvio: «Preciso de experiência»

27 jun, 22:59
Eduardo Salvio

Antigo jogador do Benfica recusou proposta para renovar com o Boca Juniors e estará a caminho do México

Andrés Lillini, treinador argentino dos mexicanos do Pumas, explicou que optou pela contratação de Toto Salvio de forma a trazer «mais experiência» a um plantel muito jovem. O antigo jogador do Benfica está em final de contrato com o Boca Juniors e, ao que tudo indica, vai mesmo prosseguir a carreira no México.

«Trago-o porque preciso de experiência. Somos uma equipa com muitos jovens, sempre dei importância à formação, já lançámos catorze jovens em dois anos, mas preciso de jogadores que sustenham a equipa, preciso de experiência, de alguém que tenha rodagem como o Toto», explicou o treinador em declarações ao Diário Olé.

O técnico argentino acrescenta que precisa de alguém que saiba colocar a bola na área. «Especificamente no campo, quero alguém que me dê qualidade na direita e na esquerda porque os avançados do Pumas precisam, acima de tudo, que lhes coloquem muitas bolas, eles já são goleadores», acrescentou o treinador.

Salvio, depois de deixar o Benfica, jogou três temporadas no Boca Juniors, acumulou 70 jogos, marcou 19 golos e conquistou quatro títulos. Em janeiro, o experiente extremo pediu para ficar com o número 10 que estava vago, mas não ficou satisfeito com a proposta de renovação do clube argentino.

Segundo a imprensa da argentina, Salvio também tinha propostas para jogar na liga norte-americana (MLS), mas ficou seduzido pelo projeto que lhe foi apresentado pelo compatriota Lillini. A transferência ainda não foi oficializada, mas Salvio termina contrato com o Boca no próximo dia 30 e, depois disso, poderá rumar mesmo ao México para, aos 31 anos, vestir a camisola dos Pumas.

Relacionados

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados