Depois do Paços, estrangeiro é forte hipótese para Hélder Ferreira

28 jun, 18:42
Hélder Ferreira em duelo com Adrián Marín no Famalicão-Paços de Ferreira (Manuel Fernando Araújo/Lusa)

Extremo português tem propostas de Chipre, Polónia e Hungria, mas também abordagens da Liga

O futebolista português Hélder Ferreira terminou contrato com o Paços de Ferreira, já não iniciou a pré-época 2022/23 com os castores e, nesta altura, a mais forte hipótese para o extremo de 25 anos é uma saída para o estrangeiro.

O internacional sub-20 português tem, apurou o Maisfutebol, propostas de clubes de Chipre, Polónia e Hungria, perspetivando-se uma definição sobre o futuro para breve, nos próximos dias. Há também abordagens de outros emblemas da Liga portuguesa, mas a possibilidade com mais força nesta fase é mesmo uma primeira aventura além-fronteiras.

Hélder terminou um ciclo de três épocas em Paços de Ferreira, onde foi um dos principais titulares com o treinador Pepa entre as épocas 2019/2020 e 2020/2021, mas também opção regular em 2021/2022 com César Peixoto e Jorge Simão. Fez um total de 112 jogos e dez golos pelo emblema da Capital do Móvel.

Formado no Vitória de Guimarães e com uma curta passagem pela formação do Benfica, Hélder subiu a sénior na equipa B do Vitória, onde também jogou pela equipa principal. Em 2017, pela seleção sub-20, esteve presente no Mundial da categoria, na Coreia do Sul.

Relacionados

Patrocinados