Novo "McDonald's russo" tem logótipo semelhante ao de empresa de Barcelos: "Não gostamos de estar associados à Rússia"

13 jun, 12:20

Empresa portuguesa produz rações para animais - e já reagiu em declarações à CNN Portugal

O primeiro "McDonald's russo" abriu portas este domingo em Moscovo numa tentativa de substituir a cadeia de fastfood norte-americana, que deixou o país devido à invasão russa na Ucrânia.

"Vkousno i totchka" (Delicioso e pronto) é o que se pode ler de agora em diante nestes restaurantes em território russo. E sob o slogan "o nome muda, o amor permanece" surge um logótipo que representa duas batatas fritas estilizadas e um ponto vermelho sobre um fundo verde.

Mas há algo ainda mais curioso no que diz respeito à imagem desta nova marca: é que o logótipo é (mesmo) muito semelhante ao de uma empresa portuguesa que produz rações para animais. A coincidência foi notada pela imprensa internacional, que acusa a cadeia russa de ter roubado o logótipo à Matosmix:

Contactada pela CNN Portugal, a Matosmix - que tem sede em Barcelos - reagiu à polémica e descarta quaisquer associações com a nova marca russa.

"Não gostamos de estar associados à Rússia tendo em conta a situação atual", afirma João Matos, responsável de marketing e comunicação da Matosmix.

A Matosmix é uma empresa fabricante de rações para a alimentação de animais - nomeadamente aves, bovinos de carne e leite, coelhos, cavalos, suínos, ovinos e caprinos. O mercado da empresa é essencialmente português (e não exporta diretamente para a Rússia).

Apesar de já contar com 24 anos de existência, o logótipo da Matosmix é relativamente recente, uma vez que a empresa fez um rebranding em 2021. Esta nova imagem da marca está registada em Portugal mas não no estrangeiro. "Mas se eles copiam a própria McDonald's...", diz João Matos.

A decisão da McDonald´s de suspender em março a atividade na Rússia dos seus 850 restaurantes, envolvendo 62 mil funcionários, e de em maio ter decido abandonar o país definitivamente por causa da ofensiva russa na Ucrânia lançada em 24 de fevereiro foi muito mal acolhida pelos russos.

Esta segunda-feira, outros 50 restaurantes da nova cadeia Vkousno i totchka devem abrir, revela a AFP, com a rede a pretender reabrir entre 50 e 100 restaurantes por semana em toda a Rússia. E, no menu, a mesma variedade de antes: cheeseburgers e cheeseburgers duplos, uma grande diversidade de gelados e sobremesas,. O "Royal Deluxe" foi transformado no "Grand Deluxe" e o prefixo "McDo" não aparece mais em nenhum nome de hambúrguer.

"Fomos obrigados a retirar certos produtos do cardápio porque fazem referência direta à McDonald's, como McFlurry e Big Mac", esclareceu um dos novos responsáveis da Vkousno i totchka.

A McDonald’s anunciou no mês passado a venda das suas lojas na Rússia para um dos franchisados locais, a Alexander Govor, que planeia expandir a nova marca para mil lojas em todo o país e reabrir todos os pontos da rede dentro de dois meses.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

País

Mais País

Patrocinados