God has a DJ: morreu Maxi Jazz

24 dez 2022, 16:34
Faithless no Sziget Festival, Hungria (EPA/BALAZS MOHAI)

Era vocalista dos Faithless. Tinha 65 anos

A notícia da morte de Maxi Jazz foi confirmada no Twitter por Sister Bliss, que fez parte dos Faithless - um dos nomes mais reconhecíveis da cena de dança britânica. "O Maxi morreu enquanto dormia", escreveu Sister Bliss, que fez um pedido emotivo: "Cuidem uns dos outros".

 

"Ele mudou as nossas vidas de tantas maneiras. Ele deu significado e um sentido às nossas músicas", lê-se na conta de Instagram dos Faithless, que conseguiram alguns hits na sua carreira - como God is a DJ (pode ver e ouvir no início deste texto) ou Insomnia (pode ver e ouvir a seguir a este parágrafo). "O Maxi foi também um ser humano maravilhoso, com tempo para todos e uma sabedoria que era tão profunda quanto acessível. Foi uma honra trabalhar com ele. Foi brilhante como autor de letras, como DJ, como budista, como amante de carros, como falador nato, como frontman em palco, foi uma pessoa bonita, foi uma bússola moral e um génio".

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados