Interrompidas buscas por mariscador que desapareceu no Montijo

Agência Lusa , CF
5 jul, 22:25
Polícia Marítima

A Autoridade Marítima Nacional explicou que, devido à pouca luz natural, as buscas vão ser retomadas ao início da manhã de quarta-feira

As operações de busca pelo mariscador desaparecido no rio Tejo, na zona do Montijo, foram interrompidas na noite de terça-feira, sem que tivesse sido encontrado a vítima, e serão retomadas na manhã de quarta-feira, adiantou a Autoridade Marítima Nacional.

À Lusa, fonte da Autoridade Marítima Nacional explicou que, devido à pouca luz natural, as buscas vão ser retomadas ao início da manhã de quarta-feira pelas patrulhas de reconhecimento.

Um mariscador encontra-se desaparecido desde o final da tarde de segunda-feira no rio Tejo, na zona do Montijo, estando a Autoridade Marítima Nacional e os bombeiros a efetuar buscas no local.

Numa nota de imprensa, a AMN explica que o mariscador, com 28 anos, saiu de casa na segunda-feira para capturar bivalves, não tendo regressado.

Nas operações de busca pelo mariscador desaparecido, estão envolvidos tripulantes da Estação Salva-vidas de Lisboa, por via marítima, e elementos dos Bombeiros Voluntários do Montijo, por terra.

País

Mais País

Patrocinados