Mourinho e a crise do Tottenham: «Não sinto pressão»

17 fev 2021, 19:32
Tottenham-WBA (AP)

Treinador português diz, sim, que sente uma grande responsabilidade. E fala sobre os muitos erros defensivos que a equipa tem acumulado. «Jogadores estão a receber, através dos telemóveis e dos iPads, análises imediatas de todo o tipo de situações

Cinco derrotas e 13 golos sofridos nos últimos seis jogos. É este o registo da fase mais negra do Tottenham em 2020/21.

A equipa de José Mourinho ocupa um modesto nono lugar na Premier League a 17 pontos do líder Manchester City e também foi recentemente eliminada da Taça de Inglaterra.

O momento é delicado, mas o treinador português não sente pressão adicional na véspera do jogo com os austríacos do Wolfsberger para a Liga Europa em Budapeste. «Não sinto qualquer tipo de pressão. Sinto uma grande responsabilidade, que é completamente diferente e é muito melhor do que pressão. Responsabilidade, ambição e motivação, não pressão», começou por dizer na antecâmara do duelo da 1.ª mão dos 16 avos de final da Liga Europa.

José Mourinho abordou os muitos erros defensivos que a equipa londrina tem vindo a cometer nos últimos tempos. «Estamos a fazer todos os possíveis. Os jogadores estão a receber, através dos telemóveis e dos iPads, análises imediatas de todo o tipo de situações para que possam ler e analisar por eles mesmos. Depois, teremos uma reunião individual para analisar toda a situação e tentar melhorar cada aspeto.»

Hugo Lloris tem sido apontado como um dos responsáveis pelo mau momento do Tottenham, mas o técnico português saiu em defesa do guarda-redes campeão do Mundo pela França. «Ainda é o mesmo guarda-redes e é a minha escolha número 1. Tem todo o meu apoio e confiança. Quando um jogador é um jogador de topo, não é um, dois ou três erros que dizem que ele já não é um dos melhores.»

E exemplificou com o exemplo de um adversário do Tottenham. «Para mim, o Alisson é um dos cinco melhores guarda-redes do Mundo. Cometeu grandes erros, mas é um dos cinco melhores do Mundo. Com o Hugo é o mesmo: um guarda-redes fantástico e super consistente.»

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados