Spalletti explica porque deixou Rui Vitória de mão estendida

24 nov 2021, 18:45
Luciano Spalletti
Luciano Spalletti

Spartak voltou a bater o Nápoles na Liga Europa

PUB

O treinador do Nápoles, Luciano Spalletti, deixou o português Rui Vitória de mão estendida após a derrota frente ao Spartak.

No final do jogo o técnico italiano apresentou as suas justificações para a reação nada cordial.

PUB

«Ele não me cumprimentou antes do jogo. Quando recebes um convidado deves cumprimentá-lo logo, e não apenas no final do jogo, depois de derrotá-lo. Estávamos a dez metros de distância e ele não me cumprimentou. Em situações destas eu vou sempre apertar a mão ao treinador adversário», justificou Spalletti, citado pelo «Sport Express».

De recordar que Spalletti fez isso mesmo no jogo da primeira volta, em Nápoles, mas ao dirigir-se ao banco do Spartak precisou de ajuda para identificar Rui Vitória.

Desta vez a aproximação foi no final do jogo, mas sem aperto de mão, já que o treinador italiano deixou o português de mão estendida.

Ora veja:

 

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados