Excesso de pessoas leva à suspensão da casa aberta no centro de vacinação da FIL

6 dez 2021, 17:42

Autoridades estão a fazer tudo para garantir aos “agendados um processo normal, tranquilo e confortável de agendamento”.

PUB

A vacinação em regime de Casa Aberta foi suspensa, esta segunda-feira, no centro de vacinação da FIL, em Lisboa, após milhares de pessoas terem comparecido para tomar a dose de reforço, comprometendo os horários das doses agendadas.

Em declarações à CNN Portugal, Margarida Castro Martins, diretora do Serviço Municipal da Proteção Civil, explicou que estavam previstos seis mil agendamentos, mas que a forte afluência que se fez sentir no novo centro de vacinação, levou as autoridades a encerrar a modalidade por volta das 15 horas.

PUB

“Tivemos de fechar a modalidade de Casa Aberta por volta das 15 horas. Durante a tarde, os agendamentos estão quase na capacidade máxima do centro e isso estava a gerar atraso nos agendados, que é algo que queremos sempre evitar. Por isso, tomámos a decisão de encerrar a fila de Casa Aberta, por hoje”, explicou.

A decisão permitiu às autoridades manter o ritmo de vacinação para as pessoas com agendamento, sem que se registem atrasos no processo de vacinação. “Os agendamentos estão a fluir à hora agendada, mas temos muitas pessoas”, revelou Margarida Martins.

PUB
PUB
PUB

“Temos de ir gerindo. Estamos a gerir da melhor maneira, de forma a garantir que os agendamentos são à hora certa”, esclarece.

Sobre se será possível retomar o regime de Casa Aberta já nesta terça-feira, a responsável afirmou que as autoridades estão a fazer tudo para garantir aos “agendados um processo normal, tranquilo e confortável de agendamento”.

O vereador da Proteção Civil explicou que “durante a manhã tudo correu dentro do previsto, todas as marcações correram bem, dentro do tempo e foi possível existir ao mesmo tempo a ‘casa aberta’”, ressalvando que a Câmara de Lisboa dá apoio logístico no processo de vacinação, mas a questão do agendamento é da competência dos serviços de saúde.

“Aproveito para fazer um apelo para que as pessoas apareçam nos centros de vacinação à hora marcada, não apareçam com horas de antecedência, portanto confiem no sistema, porque não tem tido atrasos. É importante para não gerar filas as pessoas chegarem à hora que está marcada”, avisou o social-democrata Ângelo Pereira.

PUB
PUB
PUB

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados