Rio Ave-Santa Clara, 1-0 (destaques)

André Cruz , Estádio dos Arcos, Vila do Conde
2 out, 17:50

Boateng foi homem certo na hora certa

FIGURA: Emmanuel Boateng

Foi novamente aposta ao lado de Aziz no ataque e não desiludiu. Teve apenas uma oportunidade de golo, mas aproveitou-a da melhor forma, decidindo o desfecho do jogo. Ainda contou com um desvio no remate, mas a bola entrou no fundo das redes e, no final de contas, é isso que importa.

O MOMENTO: expulsão de Boateng, 66m

Se o Santa Clara ainda ambicionava com uma resposta, essa ideia foi totalmente apagada com o cartão vermelho ao defesa-central, que condicionou a capacidade ofensiva açoriana. Deixou que Fábio Ronaldo ganhasse na velocidade e travou-o em zona privilegiada.

OUTROS DESTAQUES

Miguel Baeza

É daqueles que não engana. Aquele pé esquerdo tem magia e, acima de tudo, é esclarecido. Quando teve tempo e espaço para pensar no miolo, decidiu bem. Inicia a jogada do golo e ainda somou um remate de fora da área para boa defesa de Marco (77m).

Aderllan Santos

Se, por vezes, está associado a erros infantis, desta vez conseguiu um jogo irrepreensível. Esteve exímio no plano defensivo, não permitiu que João Lima aparecesse e ainda vislumbrou alguns gestos técnicos dignos de registo para um defesa-central.

Samaris

Derrubou Gabriel na grande área logo nos instantes iniciais, mas a bola já tinha saído pela linha de fundo, o que evitou a grande penalidade. Apesar disso, mostrou que a qualidade de passe ainda não desapareceu, bem como o sentido de posição. O ritmo já é outro.

Gabriel Silva

O menos mau do Santa Clara. Esteve apagado na segunda parte, mas nos primeiros 45 minutos ainda causou algum perigo, com a velocidade que imprimiu no corredor direito. Tem boa relação com a bola, mas faltou alguma capacidade de definição, embora ninguém do conjunto açoriano também não o tenha conseguido acompanhar.

Relacionados

Patrocinados