Paulo Sérgio: «A ganhar 1-0 poderíamos ter sentenciado»

12 fev 2022, 20:53
Paulo Sérgio no Sp. Braga-Portimonense (Hugo Delgado/LUSA)

Treinador do Portimonense lembra que a equipa podia ter dado outro conforto ao resultado antes de sofrer o empate

Declarações do treinador do Portimonense, Paulo Sérgio, à SportTV, após o empate ante o Boavista (1-1), em Portimão, no duelo da 22.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol:

«Nós temos, na segunda parte, ene número [de oportunidades]. E estou só a falar da segunda parte. Dizer que a segunda parte foi diferente… não. A segunda parte foi diferente foi ao minuto 90, em que o Boavista tem três a quatro cantos seguidos e culmina com uma bola à trave. Nós também tivemos pelo Iván [Angulo] na trave, para não enumerar todas as outras, em que a ganhar 1-0 poderíamos ter sentenciado. Muito mérito ao que os jogadores do Portimonense fizeram, apenas foram infelizes em não fazer mais um golo.»

«A equipa tem de articular-se. Tem uma ideia de jogo. E, quando tem a bola, normalmente atua da mesma maneira. Quando não a tem, tem de adaptar-se e ter jogadores onde o adversário coloca os seus. Não andamos a alterar sistema. Temos uma forma de jogar da qual não abdicamos, está bem identificada. Agora, quando não temos bola, em função do que o Boavista procurava fazer, nós adaptámo-nos.»

[Sequência de jogos sem vitórias:] «Foi um janeiro negro, mas chegar a este momento e fazer esse resumo sem olhar a tudo o que está para trás, é penalizador para o que estes jogadores têm trabalhado.»

Relacionados

Patrocinados