CD abre processo disciplinar a jogadores do FC Porto após queixa do Benfica

30 mai, 20:42
FC Porto na Câmara

Participação dos encarnados deveu-se aos cânticos insultuosos de Diogo Costa, Manafá, Fábio Cardoso e Otávio durante os festejos do título

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol deu início a um processo disciplinar a Diogo Costa, Manafá, Fábio Cardoso, Otávio e à SAD do FC Porto, na sequência de uma queixa do Benfica, informou o organismo esta segunda-feira.

«Instauração de processo disciplinar a Diogo Meireles Costa, Fábio Rafael Rodrigues Cardoso, Otávio Edmilson da Silva Monteiro, Wilson Miguéis Manafá Jancó e à Futebol Clube do Porto – Futebol SAD, por deliberação da Secção Profissional, de 24 de maio de 2022, na sequência de participação apresentada pela Sport Lisboa e Benfica – Futebol SAD, tendo por objeto eventual lesão da honra, injúrias ou ofensas à reputação», lê-se no comunicado do Conselho de Disciplina.

A mesma entidade refere que «o processo foi enviado, dia 26 de maio de 2022, à Comissão de Instrutores da Liga Portuguesa de Futebol Profissional».

A queixa dos encarnados deveu-se aos cânticos insultuosos dirigidos pelos jogadores portistas ao clube da Luz durante as celebrações do título. O episódio ocorreu num convívio privado entre os jogadores e durante um direto feito pelo médio luso-brasileiro no Instagram.

De referir ainda que o artigo 158.º do Regulamento Disciplinar da Liga, relativo a injúrias e ofensas à reputação, admite a suspensão de um a quatro jogos «no caso de expressões dirigidas contra pessoas singulares ou coletivas, ou respetivos órgãos, integrados na FPF ou na Liga Portugal, individualmente ou por representação orgânica, em virtude do exercício das suas funções».

[artigo atualizado]

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados