PGR investiga queixa de violência doméstica contra José Castelo Branco

3 mai, 16:56
Betty Grafstein e José Castelo Branco - Inauguração da exposição «20 Years of Beautiful People by Eduardo Mota» Foto: Ricardo Santos/Lux

Betty Grafstein, norte-americana de 95 anos, está internada na CUF de Cascais com uma fratura e uma "ferida traumática"

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou esta sexta-feira a receção de uma queixa contra José Castelo Branco por violência doméstica contra a mulher, Betty Grafstein, de 95 anos.

A denúncia deu origem a um inquérito, com a investigação a realizar-se na Secção Integrada de Violência Doméstica de Sintra (SEIVD), no Departamento de Investigação e Ação Penal Regional de Lisboa.

Betty Grafstein está internada na CUF de Cascais desde 20 de abril na sequência de uma queda. Aos profissionais de saúde contou que foi empurrada pelo marido, o que motivou a queixa do hospital, já que se trata de um crime público.

Essa mesma queixa chegou ao Ministério Público, que agora desenvolve diligências no sentido de apurar o que se passou.

A norte-americana está internada com uma "fratura no fémur direito" e uma "ferida traumática" no antebraço, de acordo com o jornal Expresso, que noticiou a queixa contra José Castelo Branco.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados