Biden reage a tiroteio em discoteca nos EUA, sublinhando tolerância zero para o ódio

Agência Lusa , HCL
20 nov, 18:12
Joe Biden (AP)

O tiroteio numa discoteca LGBTQ em Colorado Springs fez pelo menos cinco pessoas mortos e 18 feridos, disse a polícia no sábado

O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, reagiu este domingo ao tiroteio numa discoteca gay do estado do Colorado, considerando que o país "não pode nem deve tolerar ódio".

"Não há, por enquanto, qualquer motivo claro para este ataque, mas nós sabemos que a comunidade LGBTQI era o alvo nestes últimos anos de uma atterradora violência de ódio", declarou Biden, citado num comunicado,cem que volta a apelar para que se "faça mais" para regular o porte de armas de fogo nos Estados Unidos.

O tiroteio numa discoteca LGBTQ em Colorado Springs fez pelo menos cinco pessoas mortos e 18 feridos, disse a polícia no sábado à noite.

"Houve um tiroteio num clube local esta noite. Temos 18 pessoas feridas e cinco mortas", disse a porta-voz da polícia, Pamela Castro.

O suspeito dos disparos já foi detido, informou a polícia.

Relacionados

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados