IVA zero. Portal da Queixa recebe mais de 200 reclamações em menos de um mês - pastelarias e hipermercados são os principais visados

ECO - Parceiro CNN Portugal , Fátima Castro
20 mai 2023, 21:00
Restauração (Getty Images)

Entre os dias 18 de abril e 15 de maio foram registadas mais de duas centenas de reclamações relacionadas com o aumento dos preços e com a implementação da medida do IVA zero

Desde que o IVA desapareceu em dezenas de alimentos, o Portal da Queixa já registou mais de 200 reclamações. Um mês após entrar em vigor, a medida não convence os consumidores. Pastelarias, cafetarias e hipermercados são as duas categorias onde foram registadas mais reclamações, de acordo com dados divulgados esta quarta-feira pelo Porta da Queixa.

“Entre os dias 18 de abril e 15 de maio, foram registadas mais de duas centenas de reclamações relacionadas com o aumento dos preços e com a implementação da medida do IVA zero, verificando-se um crescimento de 107% no número de queixas, se compararmos com o mesmo período homólogo, onde as denúncias sobre a prática de preços geraram apenas 95 queixas”, adianta o Portal da Queixa.

As duas categorias com maior número de reclamações foram as pastelarias, cafetarias e os hipermercados. Já os produtos mais mencionados nas queixas como não tendo variação no seu preço final foram: o pão e a carne.

Os principais motivos de reclamação são as alegadas irregularidades das lojas face ao preço praticado sem IVA e a não perceção dos consumidores relativamente à diferença de valor do produto com IVA zero. A acrescentar à lista estão ainda inúmeras reclamações que reportam o mesmo preço aplicado ao produto – antes e após o IVA 0%.

Relacionados

Economia

Mais Economia

Mais Lidas

Patrocinados