Polícia percorre o país de Lamborghini para entregar "o mais belo presente de Natal": a vida

20 dez 2022, 19:42
Lamborghini Huracán (Polizia di Stato)

De Pádua a Modena, de Modena a Roma. Desportivo viajou centenas de quilómetros para possibilitar a entrega urgente de dois rins a pacientes que aguardavam transplante

A polícia italiana recorreu a um Lamborghini para entregar dois rins a pacientes que aguardavam um transplante. Os órgãos foram recolhidos na cidade de Pádua e conduzidos até aos hospitais de Modena e Roma, a centenas de quilómetros do ponto de partida.

O carro desportivo, do modelo Huracán, foi oferecido pela própria marca à polícia de trânsito de Bolonha, para ser usado tanto em operações rotineiras como no transporte urgente de sangue e órgãos. O nome "huracán", traduzível do castelhano como "furacão", não surpreende: tem uma potência de mais de 600 cavalos e uma velocidade máxima de 325 quilómetros por hora.

Em plena quadra festiva, a luxuosa viatura cumpriu o seu propósito e viajou de Pádua a Modena (a cerca de 170 quilómetros de distância) e, de seguida, de Modena para Roma, onde se encontrava o último paciente (contabilizando mais 400 quilómetros). Missão cumprida - foi entregue o "mais belo presente de Natal: a vida".

"Graças ao Pai Natal especial da polícia nacional, duas pessoas receberam um rim como presente", escreve a polícia italiana no Facebook, ilustrando a mensagem com várias fotografias de agentes e profissionais médicos a depositar os órgãos no carro. "Esperamos que graças a este trabalho de equipa, realizado em conjunto com o Centro Nacional de Transplantes, duas pessoas e as suas famílias tenham um Natal mais feliz e mais sereno. Buona vita!"

Relacionados

Europa

Mais Europa

Mais Lidas

Patrocinados