Porro: «Joguei até ao último dia, não queria desrespeitar o Sporting»

3 abr 2023, 14:45
Porro (AP Photo/David Cliff)

O internacional espanhol recordou a transferência do Sporting para o Tottenham e abordou os primeiros dois meses na Premier League

Pedro Porro trocou o Sporting pelo Tottenham no fecho do último mercado de transferências. O internacional espanhol recordou o período em que jogou pelos leões enquanto as negociações entre os clubes decorriam.

«Sou um jogador com uma mentalidade muito forte. Joguei até ao último dia sem saber o que iria acontecer. Não queria desrespeitar o Sporting. É assim que eu sou, uma pessoa que gosta que as coisas sejam feitas da maneira certa. Percebi a posição do Sporting assim como a do Tottenham. Eles não queriam perder um jogador em janeiro e ter de contratar outro. Mas foi uma questão entre os clubes. No final, correu bem, e, agora, estou aqui, que é o mais importante», começou por lembrar, em entrevista à Sky Sports.

O lateral-direito considera que está a «adaptar-se» aos spurs e ao futebol inglês e lembrou a estreia pelo novo clube que não correu de feição.

«Estava calmo para dizer a verdade. Claro que fiquei f***** logo a seguir, porque era a minha estreia e as coisas não tinham corrido bem. Isso é normal. Se não tiveres a ambição de fazer sempre o teu melhor, então não tens nada. Não fui muito duro comigo mesmo. Foi só um jogo e todos sabemos como é que o futebol é. Um dia cometes um erro enorme e no outro marcas dois golos e fazes uma assistência», confessou. 

O jogador de 23 anos comentou ainda as críticas que recebeu depois do primeiro pelo Tottenham contra o Leicester.

«As críticas? Fazem parte do futebol. Vais ouvir coisas boas, mas também coisas das quais não gostas. É normal», desvalorizou. 

Um pedido de Conte, Porro trabalhou apenas algumas semanas com o treinador italiano, despedido na última paragem para os compromissos internacionais.  

«Claro que foi difícil, ainda para mais sendo um jogador novo na equipa.Fui para a seleção espanhola e descobri que o treinador tinha sido despedido. Mas não podes fazer nada quanto a essas situações. Gostava de ter trabalhado mais tempo com ele, mas agora temos de dar o nosso melhor pelo Cristian Stellini e pelo Ryan Mason» sublinhou.

Porro leva, para já, sete jogos pelo Tottenham. 

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados