Rafael Leão fala da lesão: «Sinto-me bem, mas não devemos arriscar»

5 dez 2023, 09:07
Rafael Leão (EPA/MATTEO BAZZI)

Internacional português diz que «não há dores», mas quer voltar a 100 por cento para ajudar o Milan

O futebolista português Rafael Leão afirmou estar bem quanto à lesão muscular na coxa direita, que o tem afastado da competição desde 11 de novembro, sublinhando que quer recuperar a 100 por cento para ajudar a equipa do Milan.

«Sinto-me bem, a lesão não é grave, mas não se deve arriscar. Estou a trabalhar em conjunto com o departamento médico, sabemos que o campeonato é longo, então é preciso pensar passo a passo para voltar a 100 por cento», afirmou Leão, em declarações à Sky Sport, à margem da Gran Galà del Calcio, evento da Associação de Futebolistas italianos que premeia, anualmente, jogadores, dirigentes e árbitros da liga italiana.

«Não há dores, mas estou a tentar voltar a 100 por cento e assim pode ajudar os meus companheiros», disse Leão, que falou também da equipa e do objetivo no campeonato.

«Procuro trazer sempre boas sensações à equipa. Neste momento há pressão, mas a pressão é uma coisa positiva. Tendo chegado recentemente, é belíssimo ver quando a equipa está bem e vence, nós somos o Milan e devemos vencer. O campeonato é longo. Há jogos em que temos de fazer melhor e vencer. Agora, estamos a vencer de novo e a aliviar a pressão. Confio na equipa, temos jogadores de grande qualidade», afirmou Leão.

O internacional português de 24 anos não joga desde 11 de novembro, dia em que saiu lesionado do jogo ante o Lecce, aos dez minutos de jogo.

Relacionados

Patrocinados