VÍDEO: Ucrânia em lágrimas, árbitro e Gareth Bale confortam jogadores

5 jun, 19:51

Oleksandr Zinchenko foi amparado por Mateu Lahoz e pelo futebolista galês. Andriy Yarmolenko e o benfiquista Roman Yaremchuk não seguraram as lágrimas

A derrota da Ucrânia na final do caminho A do play-off europeu de acesso ao Mundial 2022, ante o País de Gales, este domingo, originou emoções distintas no relvado do Cardiff Stadium, com os futebolistas ucranianos a não conterem as lágrimas e a tristeza por falharem a fase final no Qatar, numa altura em que o território ucraniano é também palco de uma guerra.

Oleksandr Zinchenko, jogador do Manchester City, evidenciou a desilusão pela derrota e foi, por momentos, confortado pelo árbitro espanhol Mateu Lahoz, num gesto de desportivismo. O mesmo aconteceu com uma troca de palavras do galês Gareth Bale com Zinchenko.

O avançado do Benfica, Roman Yaremchuk, também foi um dos rostos da tristeza, assim como Andriy Yarmolenko, que acabou por dar o toque decisivo na bola para o autogolo que decidiu o resultado final em Cardiff.

País de Gales foi a 30.ª e antepenúltima seleção a garantir vaga no Mundial 2022.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados