Covid-19: Europa é o continente onde as mortes mais aumentam

17 nov, 10:11
Torre Eiffel já começou a receber turistas
Torre Eiffel já começou a receber turistas

Incidência de casos por 100 mil habitantes no continente europeu foi também superior à de qualquer outra região

PUB

A Europa registou um aumento de 5% nas mortes por covid-19 na última semana, enquanto no resto dos continentes o número de óbitos permaneceu estável ou diminuiu, de acordo com o último relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Segundo, ainda, o documento, publicado esta quarta-feira, na América as mortes diminuíram 3%, na região do Pacífico Ocidental, que inclui a China, caíram 5%, e no Mediterrâneo Oriental 14%.

PUB

No sul e no leste da Ásia, que inclui a Índia, as mortes no contexto da pandemia aumentaram 1% e em África subiram 3%.

Globalmente, foram registadas 50.000 mortes adicionais, de acordo com as notificações de todos os países recebidas pela OMS, um número que se manteve estável.

O número de infeções aumentou 6% globalmente. Por região, o aumento foi de 8% na Europa e na América, enquanto em África foram relatados menos 33% de casos.

O número de infeções em todo o mundo subiu para 252 milhões em 23 meses, desde que o vírus começou a circular intensamente na China.

Na Europa, a incidência de casos por 100.000 habitantes foi muito maior (230) do que em qualquer outra região. Na América, foi de 74 casos por 100.000 habitantes.

PUB
PUB
PUB

Os países com mais casos na última semana foram Estados Unidos, Rússia, Alemanha, Reino Unido e Turquia.

LEIA TAMBÉM:

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19