Bruno e Félix marcam, Man. United vence Chelsea e garante Champions

25 mai 2023, 22:04

Triunfo dos «red devils» por 4-1 em Old Trafford

O Manchester United assegurou a presença na Liga dos Campeões da próxima temporada, ao vencer esta quinta-feira na receção ao Chelsea, por 4-1, num encontro de acerto de calendário da 32.ª jornada da liga inglesa.

O pesadelo dos londrinos em Old Trafford começou bem cedo, logo aos seis minutos, quando Casemiro correspondeu, de cabeça, ao livre lateral cobrado por Christian Eriksen. O internacional brasileiro chegou ao sétimo golo na temporada e igualou o melhor registo goleador numa época da carreira.

A perder, os blues reagiram rapidamente ao golo sofrido, conseguiram chegar à área contrária e até criaram várias oportunidades de golo, mas estiveram muito perdulários na finalização.

A equipa de Frank Lampard deixava muitos espaços nas costas e o United não precisou de forçar muito para chegar ao 2-0. Já sem Antony em campo – saiu de maca em cima da meia hora após um choque com Chalobah – os red devils aumentaram a vantagem numa das melhores jogadas do encontro.

No quinto minuto de descontos da primeira parte, Casemiro fez um passe fenomenal para Jadon Sancho e o internacional inglês serviu Anthony Martial, que até estava a ter uma noite azarada, mas desviou de forma certeira ao segundo poste.

Após o intervalo, o Chelsea teve ainda mais dificuldades para travar as transições ofensivas da equipa de Erik ten Hag. Os blues deixavam muito espaço entre os setores e eram uma equipa totalmente «partida».

Num dos contra ataques do United, Bruno Fernandes – único português titular – fez uma «cueca» a Wesley Fofana e, de seguida, o central francês derrubou-o em plena área. Na cobrança do castigo máximo, o internacional luso finalizou com classe (73m).

O ex-Benfica Enzo Fernández não gostou dos festejos de Bruno dirigidos a Kepa e foi tirar justificações junto do médio português, tendo acabado a enfrentar praticamente toda a equipa do United, num momento de grande confusão no relvado.

Cinco minutos depois, Fofana voltou «a borrar a pintura», errou um passe em zona proibida, Bruno Fernandes recuperou a bola e serviu Marcus Rashford que, à segunda tentativa, bateu Kepa e chegou aos 30 golos na época.

Na reta final, a barra e De Gea negaram o golo a Garnacho e foi o português João Félix, lançado aos 64 minutos, quem conseguiu marcar. A um minuto dos 90, o avançado luso arrancou pelo corredor central, aproveitou o espaço concedido e atirou colocado, de fora da área, para o 4-1.

Desta forma, o Manchester United sobe ao terceiro lugar da liga inglesa, com 72 pontos, mais dois do que o Newcastle. Na última jornada, red devils e magpies vão decidir quem termina no último lugar do pódio, sendo certo que as duas equipas têm presença assegurada na Champions em 2023/24.

Por sua vez, o Chelsea voltou a bater um recorde negativo: perdeu pela 16.ª vez no campeonato, o maior número de derrotas dos blues no novo formato da Premier League. Os londrinos ocupam o 12.º lugar.

Classificação da Premier League

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados