Diogo Jota: «Adaptação de Darwin? Que seja semelhante ao Luis Díaz»

30 jun, 23:35
Kostas Tsimikas, Fabinho, Adrián, Diogo Jota, Ibrahima Konate e Luis Díaz no desfile de final de época do Liverpool, este domingo

Internacional português reconhece ainda que saída de Sadio Mané do Liverpool foi «uma grande perda» e fala de Fábio Vieira no Arsenal

O futebolista português Diogo Jota, do Liverpool, afirmou esta quinta-feira o desejo de que a adaptação do ex-Benfica Darwin Núñez no clube inglês seja semelhante à que o colombiano ex-FC Porto Luis Díaz conseguiu quando chegou a meio da época 2021/22 ao plantel orientado por Jurgen Klopp.

Na inauguração da Academia Diogo Jota, no Estádio S. Miguel, em Gondomar, onde começou a carreira, o internacional português lamentou a saída de Sadio Mané (reforço do Bayern Munique), mas crê que a chegada de Darwin vai trazer nova confiança à equipa.

«O Sadio foi uma grande perda. Não só como jogador, mas como pessoa e influência no balneário. O Darwin é muito jovem ainda, sabe-se da qualidade dele e espero que possa obter os melhores resultados já nesta sua primeira época. Espero que seja semelhante ao caso do Luis Díaz porque assim estaremos mais perto de ganhar títulos», frisou o jogador, à margem do evento.

Diogo Jota abordou ainda a transferência de Fábio Vieira do FC Porto para o Arsenal, admitindo que todo o sucesso dos portugueses fora de portas é fruto do bom trabalho da formação e que agora começa a dar frutos.

«Ultimamente temos tido cada vez mais jogadores naquela que, para mim, é a melhor liga do mundo. Isso é fruto de um trabalho do país, de todas as formações que temos pelo país fora, estamos a trabalhar bem. O Fábio, é com um carinho especial que o vejo chegar à Premier League. É um bom rapaz e desejo-lhe o melhor», salientou, apesar de desejar derrotas nos confrontos com o seu Liverpool.

A academia do Gondomar rebatizada em homenagem ao internacional português chama-se agora Academia Diogo Jota.

Relacionados

Patrocinados