Conte: «Arteta é bom treinador, mas nos últimos meses ouvi-o protestar muito»

12 mai 2022, 23:51
Antonio Conte (Tottenham)

Italiano criticou a postura do hómologo dos «gunners» após a vitória no dérbi do norte de Londres

Após a vitória no dérbi do norte de Londres, Antonio Conte criticou a postura de Mikel Arteta, hómologo do Arsenal. O técnico dos «gunners» recusou falar de arbitragem para «não ser suspenso por seis meses» e o italiano não o deixou sem resposta.

«O [Arteta] é um bom treinador e pode tornar-se num treinador importante no futuro. Mas nos últimos seis meses ouvi-o protestar muito. Ele ainda agora começou e já o ouvi protestar muito. Penso que ele deve estar mais focado na sua equipa do que em protestar. Tem de estar mais calmo e tentar continuar o seu trabalho que está a ser muito bom. Mas um treinador que protesta muito não é bom», disse o treinador do Tottenham, citado pela Sky Sports.

Conte considerou a expulsão de Holding justa e lembrou o que aconteceu no jogo anterior dos londrinos contra o Liverpool, em Anfield.

«O cartão vermelho é claro. Não me esqueço do jogo contra o Liverpool. Não disse nada sobre o que aconteceu com o Fabinho. Se quiser protestar, posso fazê-lo em qualquer jogo com os árbitros, com as decisões ou com os jogos adiados», atirou, referindo-se ao jogo desta noite que foi adiado em janeiro devido pelo facto de o Arsenal não ter 13 jogadores disponíveis.

«Se estão recordados, ele protestou sobre a data para a qual o jogo foi adiado. Na altura o Arsenal ficou contente pelo facto de o jogo ter sido adiado por causa da covid-19 e só tinham um jogador infetado. Não me esqueço. Acho que isso serviu de motivação. Não foi uma boa situação, estávamos preparados para jogar e ver que o jogo foi anulado deixou-nos chateados. Queria jogar contra uma equipa do Arsenal que tivesse todos os jogadores disponíveis. Acho que a minha equipa estava um pouco irritada pelo que aconteceu no primeiro jogo [derrota por 3-1]», acrescentou. 

Na luta pelo quarto lugar, recorde-se que o Arsenal tem um ponto de vantagem sobre o Tottenham à entrada para as duas jornadas finais da Premier League.

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados