Atropelamento em desfile de Natal faz cinco mortos nos Estados Unidos

22 nov, 06:40

Acidente fez ainda 40 feridos. Veículo utilizado no ataque foi recuperado e uma pessoa foi detida

PUB

Pelo menos cinco pessoas morreram e 40 ficaram feridas, este domingo (madrugada de segunda-feira em Portugal), depois de um veículo ter atropelado dezenas de participantes de um desfile de natal na cidade de Waukesha, em Wisconsin, nos Estados Unidos.

De acordo com fontes oficiais, os números podem ainda sofrer alterações à medida que mais informação é recolhida.

PUB

Em conferência de imprensa, o chefe da polícia de Waukesha afirmou que muitos dos que foram atropelados eram crianças.

O veículo utilizado no ataque foi recuperado e uma pessoa foi detida, não se sabendo, no entanto, se se trata do condutor do SUV.

De acordo com testemunhas no local, o SUV derrubou várias barreiras que delimitavam o desfile cerca as 16h39 (hora local), atropelando as pessoas que assistiam à festa.

Um agente que se encontrava no local descarregou a arma de serviço ao disparar contra o carro para tentar parar o condutor. Segundo o chefe da polícia, Daniel P. Thompson, nenhuma pessoa foi atingida pelos disparos e não há indícios de que tenham sido feitos disparos a partir do veículo.

PUB
PUB
PUB

As autoridades ainda estão a investigar se o incidente se tratou de um ato de terrorismo, mas o "local está agora seguro".

No hospital de Aurora, na noite de domingo, encontravam-se 13 doentes internados: três em situação crítica, quatro em condição muito crítica e seis em estado grave. Já no hospital pediátrico de Milwaukee encontravam-se internados 15 feridos.

Para além destes dois hospitais, também o Froedtert Hospital em Milwaukee, centro de trauma em Wisconsin, confirmou à CNN que recebeu feridos do acidente.

O agrupamento de escolas de Waukesha anunciou que todas as aulas de segunda-feira foram canceladas, mas que vão estar "conselheiros adicionais disponíveis em todos os edifícios para todos os alunos e funcionários que precisam de serviços de apoio".

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.

E.U.A.

Mais E.U.A.