No United, no PSG e na Juve: casa de Di María alvo de tentativa de assalto

6 out, 23:34
Ángel Di María no primeiro jogo oficial pela Juventus

Segurança do condomínio acionou o alarme e a polícia chegou rapidamente. Um dos assaltantes foi detido

A casa onde mora o futebolista Ángel Di María, em Turim, foi alvo de uma tentativa de assalto esta quinta-feira. De acordo com o La Repubblica, a polícia frustrou o ataque desta noite e um dos assaltantes foi detido depois da perseguição feita pelas autoridades.

Segundo a Gazzetta dello Sport, um segurança do condomínio em que reside Di María, acionou o alarme depois de ter-se apercebido da entrada dos larápios no recinto residencial. O mesmo jornal dá conta de que Di María, aparentemente, estaria com o colega de equipa Dusan Vlahovic no interior, no momento da tentativa de roubo.

Contudo, a chegada da polícia acabou com a fuga dos assaltantes, até à detenção de um deles, que vai ser interrogado. As investigações estão em curso, para apurar quantas pessoas tentaram arrombar a residência do atleta argentino.

O La Reppublica dá conta de um relato de testemunhas no local, que presenciaram o momento da detenção. «Ouvimos gritos e depois alguns barulhos, que pareciam tiros», declararam, ainda que não esteja confirmado que efetivamente houve tiros disparados.

Este não é um episódio inédito para Di María, que em março de 2021, ao serviço do Paris Saint-Germain, foi substituído num jogo ante o Nantes porque a sua casa foi assaltada.

Em 2015, quando estava no Manchester United, a casa de Di María também foi alvo de uma tentativa de assalto.

Relacionados

Patrocinados