COI voltou a falar com Peng Shuai: «Combinámos encontro em janeiro»

2 dez 2021, 10:27
Peng Shuai e Thomas Bach (COI)
Peng Shuai e Thomas Bach (COI)

Comité Olímpico teve segunda videochamada com a tenista chinesa

PUB

O Comité Olímpico Internacional (COI) revelou, esta quinta-feira, que teve uma segunda videochamada com a tenista chinesa Peng Shuai, anunciando mesmo que foi acertado um encontro pessoal para janeiro de 2022.

«Partilhamos a mesma preocupação de muitas outras pessoas sobre o bem-estar e segurança de Peng Shuai. É por isso que, ontem [ndr: quarta-feira], uma equipa do COI teve outra videochamada com ela. Oferecemos-lhe amplo apoio, vamos manter contacto regular com ela e já combinámos um encontro pessoal em janeiro», revelou o COI, em comunicado, esta quinta-feira.

PUB

Esta comunicação do COI surge menos de 24 horas depois de a Associação de Ténis Feminino (WTA) ter decidido pela suspensão oficial dos torneios do circuito previstos para a China, na sequência do caso com Peng Shuai.

Tudo começou por ser conhecido no início de novembro, altura em que o paradeiro de Shuai foi dado como incerto, depois de a atleta de 35 anos ter acusado um ex-membro do Governo chinês, Zhang Gaoli, de abuso sexual.

PUB
PUB
PUB

«Os esforços do COI levaram a meia hora de videoconferência com Peng Shuai no dia 21 de novembro, durante a qual ela explicou a sua situação e aparentou estar segura e bem, dada a situação difícil em que está. Isto foi reconfirmado na chamada de ontem. O nosso lado humano e centrado na pessoa significa que vamos continuar a estar preocupados sobre a sua situação pessoal e vamos continuar a apoiá-la», apontou, ainda, o COI.

Na semana passada, a União Europeia pediu à China que exibisse «provas independentes e verificáveis» do bem-estar e da localização de Peng Shuai.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados