«Abel? Os portugueses não descobriram o futebol no Brasil»

16 ago, 21:53
Abel Ferreira no Palmeiras-São Paulo

Jorginho voltou a criticar o técnico do Palmeiras e desafiou-o a ser campeão com o At. Goianiense

Jorginho, treinador do Atlético Goianiense, voltou ao ataque e teceu duras críticas a Abel Ferreira. Depois de, em junho, ter acusado o técnico português de desrespeitar os árbitros, o antigo internacional brasileiro saiu em defesa de Cuca, em virtude da eliminação do Atlético Mineiro na Taça dos Libertadores, diante do Palmeiras, nas grandes penalidades.

Abel tinha revelado que passou a hora das decisões no balneário a ouvir música e Jorginho criticou a postura do técnico do Verdão.

«Se um treinador brasileiro fosse para dentro do balneário ouvir música na hora do penálti, ele seria chamado de covarde. Mas como ganhou, nada acontece, está tudo certo», disse em entrevista à ESPN.

«O Abel é muito bom treinador e ponto final. Não está em discussão a questão da capacidade dele. O que está em discussão, principalmente nesta situação, é que ele não descobriu o futebol. Nós não estamos na época em que portugueses vêm para cá e descobrem o futebol! O que aconteceu com o Jorge Jesus foi extraordinário, o que está a acontecer com o Abel também, mas é porque têm um plantel como o Flamengo e como o Palmeiras. Eu quero vê-lo fazer o que está a fazer aqui no Atlético Goianiense. Vem para cá para ser campeão brasileiro», prosseguiu.

Jorginho lembrou ainda que Andrey Lopes, conhecido como Cebola, estava a ter bons resultados como treinador interino antes de Abel chegar e sublinhou que o Palmeiras tem um grande plantel devido ao poderio financeiro.

«Ele é vencedor, porque se tivesse outro ali, também seria vencedor. O Cebola estava a fazer um excelente trabalho antes dele chegar. E quem sabe se o Cebola permanecesse, não teria sido campeão como ele foi. Porque o Palmeiras tem muito, muito dinheiro», vincou.

As palavras de Jorginho:

Relacionados

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados