Detido homem que pegou fogo a casa em Faro. Habitação ficou totalmente destruída

Agência Lusa , BMA
25 jan, 14:39
Crime

Imóvel afetado tinha sido “recuperado pelo município” e estava destinado ao “arrendamento a preços acessíveis”

A Polícia Judiciária (PJ) deteve na segunda-feira um homem suspeito de um crime de incêndio que destruiu uma habitação, no sábado passado, em São Brás de Alportel, no distrito de Faro, anunciou esta terça-feira esta autoridade policial.

O detido tem 34 anos e era o único residente na habitação, que ficou “bastante destruída” devido ao fogo, disse à agência Lusa fonte da Diretoria do Sul da Polícia Judiciária, sublinhando que “não houve vítimas” a registar.

A fonte da Diretoria do Sul da PJ referiu ainda que a detenção foi realizada “ao final do dia de ontem [segunda-feira]” e que o detido terá alegado estar “cansado da vida” para justificar ter ateado o fogo à residência.

A PJ revelou num comunicado que os factos na origem da detenção se referem a um incêndio “ocorrido na madrugada do dia 22 de janeiro de 2022, que deflagrou no interior de uma habitação localizada no concelho de São Brás de Alportel”.

O imóvel afetado tinha sido “recuperado pelo município” e estava destinado ao “arrendamento a preços acessíveis”.

O suspeito será esta terça-feira presente a um tribunal de instrução para ser submetido a primeiro interrogatório judicial e ficar a conhecer as eventuais medidas de coação a que fica sujeito, indicou a PJ.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados