Ikea vai pagar bónus de salário e meio a todos os trabalhadores em Portugal

14 nov, 16:08
Ikea de Matosinhos (Rita França/Getty Images)

Prémio, equivalente a um salário e meio, será pago em dezembro e resulta dos resultados positivos que a empresa sueca alcançou no ano fiscal de 2022, como forma de apoio no contexto da inflação

A Ikea Portugal vai pagar um bónus de salário e meio a todos os trabalhadores no mês de dezembro, anunciou a empresa sueca esta segunda-feira, detalhando que o prémio “resulta de uma distribuição dos resultados obtidos no ano fiscal de 2022”, num “momento de maior dificuldade económica”.

É uma das três medidas anunciadas pela Ikea, numa altura em que a inflação tem disparado, mas em que a empresa viu as vendas crescerem 19,5% face ao ano anterior, para um total de 552 milhões de euros. “O excelente desempenho que tivemos só foi possível graças ao esforço coletivo de todos, superando as metas pré-estabelecidas”, diz Ricardo Pereira, deputy country manager da Ikea Portugal, citado em comunicado.

Além disso, a empresa sueca vai reforçar globalmente o fundo social no valor de dez milhões de euros para apoiar os colaboradores em situações mais sensíveis ao nível financeiro. “Este valor será distribuído de forma equitativa pelos diversos mercados”, lê-se. Em Portugal, este fundo irá reforçar o programa CÖNTIGO que, desde 2019, apoia colaboradores que enfrentam desafios de saúde e/ou financeiros.

A terceira medida, pensada para “ajudar a mitigar o aumento dos preços da energia e alimentação”, prevê a duplicação do desconto de colaborador nas compras Ikea numa seleção de produtos que permitem a poupança de energia e em produtos da Mercearia Sueca. Também em outubro, o subsídio de alimentação passou de 4,55 euros para seis euros diários líquidos para um colaborador a tempo inteiro.

“Na Ikea, e em linha com os nossos valores, queremos estar ao lado das pessoas num momento de maior dificuldade económica, provocado pela inflação e pelos efeitos da guerra na economia europeia. Queremos que os nossos colaboradores saibam que existe uma rede de apoio para os ajudar caso necessitem“, diz Cláudio Valente, People & Culture Manager da Ikea Portugal.

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados