Conselho de Arbitragem denuncia agressões a árbitro do Estrela-Benfica B

30 nov 2021, 00:50
Apito de árbitro (AP)
Apito de árbitro (AP)

Um dos agressores foi identificado pelas forças de segurança presentes no Estádio José Gomes. Responsáveis da equipa da Amadora anunciaram a intenção de agir criminalmente contra um dos árbitros assistentes

PUB

O Conselho de Arbitragem deu conta de agressões a um elemento da equipa de arbitragem do Estrela da Amadora-Benfica B.

Em comunicado, o órgão federativo informa ter recebido da parte do árbitro Miguel Nogueira um relato de agressões no corredor de acesso ao balneário utilizado pela equipa de arbitragem.

PUB

Um dos agressores, lê-se, foi identificado pelas forças de segurança presentes no Estádio José Gomes e a situação já foi denunciada pelo Conselho de Arbitragem ao Conselho de Disciplina da FPF.

Na mesma nota, o CA manifesta total solidariedade para com a equipa de arbitragem - Miguel Nogueira, Nuno Pereira, José Luzia e Pedro Brás - e diz que a situação merece uma «célere e total punição dos responsáveis».

Recorde-se que após o Estrela-Benfica B, que terminou com a vitória das águias por 6-3, os responsáveis da equipa da Amadora criticaram duramente o árbitro assistente Nuno Pereira e anunciaram mesmo a intenção de agir criminalmente contra ele. «Por mais bocas que venham da bancada, nunca pode responder em tom violento a adeptos que pagaram bilhete para ali estar. Vamos fazer com que, pela primeira vez no futebol português, uma equipa de arbitragem seja punida judicialmente», disse o diretor-executivo do Estrela, Marco Ferreira.

PUB
PUB
PUB

O Estrela teve dois jogadores expulso durante o jogo (André Duarte aos 12 minutos e Afonso Figueiredo aos 55m), bem como o team manager Filipe Leão, ao minuto 34.

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados