Académica só tem 13 jogadores disponíveis, Rio Ave recusou adiar o jogo

16 jan, 23:41
Municipal de Coimbra

Partida da 18.ª jornada da Liga realiza-se esta segunda-feira

A Académica pediu ao Rio Ave para adiar o jogo agendado para esta segunda-feira, da 18.ª jornada da II Liga, uma vez que tem apenas 13 jogadores disponíveis.

Em comunicado, os estudantes referem que esses jogadores apenas fizeram uma sessão de treino de preparação para esta partida, uma vez que estiveram em isolamento devido à covid-19, e que, por isso, «embora regulamentarmente aptos, não estão fisicamente aptos».

Na mesma nota, e antecipando uma recusa do Rio Ave que veio a confirmar-se mais tarde, a Académica acusa o adversário de falta de fair-play.

Os vilacondenses responderam depois também em comunicado, alegando que também tem vários atletas indisponíveis (entre positivos à covid-19, castigados, lesionados e internacionais), e que seria impossível o adiamento do encontro devido à carga de jogos que tem no próximo mês.

«O Rio Ave teve o cuidado de transmitir ao sr. presidente da Académica que tem sete jogos marcados em 28 dias no calendário (jogando praticamente de quatro em quatro dias) o que torna, de todo, hercúleo ou mesmo impossível, encontrar datas para mais jogos, ainda para mais acumulando já dois jogos em atraso», lê-se.

Sendo assim, o encontro entre Académica e Rio Ave vai mesmo realizar-se esta segunda-feira, a partir das 18h00.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados