Morreu o ministro da Justiça da Guiné-Bissau

Agência Lusa , PF
20 dez 2021, 11:04
Iaia Djaló

Iaia Djaló já tinha, em outros governos, ocupado as pastas do Ministério dos Negócios Estrangeiros e do Comércio

O ministro da Justiça e dos Direitos Humanos da Guiné-Bissau, Iaia Djaló, morreu hoje em Dacar, Senegal, vítima de doença súbita, disse fonte familiar.

Segundo a mesma fonte, Iaia Djaló foi transferido de Lomé, no Togo, onde se encontrava em missão de serviço, para Dacar após uma “doença súbita”.

Líder do Partido da Nova Democracia, que fundou após ter abandonado o Partido de Renovação Social (PRS), Iaia Djaló foi eleito deputado nas legislativas de 2019.

Iaia Djaló entrou para o atual Governo, liderado por Nuno Gomes Nabiam, na última remodelação governamental, feita em abril passado.

Formado em línguas na Nigéria, Iaia Djaló já tinha, em outros governos, ocupado as pastas do Ministério dos Negócios Estrangeiros e do Comércio.

África

Mais África

Patrocinados