FC Porto comunica ao mercado multa de 1,5 milhões da UEFA

19 jun, 09:43
Vítor Bruno e André Villas-Boas (Foto: Estela Silva / Lusa)

A direção liderada por Pinto da Costa terá escondido a multa

A SAD do FC Porto comunicou à Comissão de Mercado e Valores Mobiliários (CMVM), na noite desta terça-feira, uma multa imposta pela UEFA que já datava de 19 de abril de 2024, no valor de 1,5 milhões de euros.

A sanção é relativa ao incumprimento das normas de licenciamento e sustentabilidade financeira da UEFA e prevê uma pena suspensa de exclusão por uma época desportiva das competições da UEFA em caso de novo incumprimento. 

«A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD informa, para os efeitos do disposto no número 1 do artigo 17.º do Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 16 de abril, que foi notificada pela UEFA, no dia 19 de abril de 2024, da decisão do UEFA Club Financial Control Body relativa ao incumprimento de determinadas normas do regulamento de licenciamento e sustentabilidade financeira da UEFA, sendo que a UEFA apenas procedeu à publicação dessa decisão no dia 17 de maio de 2024», começou por referir a entidade. 

«A decisão em questão impõe uma multa à Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD no valor de €1,500,000.00, bem como uma pena suspensa de exclusão por uma época desportiva das competições UEFA em caso de novo incumprimento destas normas nas próximas duas épocas», explicam os dragões.

Desta forma, a anterior SAD, liderada por Pinto da Costa, não comunicou ao mercado esta multa da UEFA, que pode ter implicações graves caso haja reincidência. O clube pode mesmo ficar excluído das competições europeias.

 

Relacionados

Patrocinados