Incêndio que provocou um morto e nove feridos no Hospital de S. João foi causado por toxicodependente doente

20 dez 2021, 14:25

Fogo já está a ser investigado pela Polícia Judiciária

PUB

O incêndio que provocou um morto e nove feridos no Hospital de São João, no Porto, foi causado por um doente toxicodependente, que está internado com cancro no pulmão.

O paciente acendeu um isqueiro, mas acabou por pegar fogo aos lençóis, causando uma explosão na sequência do rebentamento de uma botija de oxigénio à qual estava ligado o paciente. A vítima mortal estava no mesmo quarto do doente que causou o fogo.

PUB

“As causas do incêndio estão a ser apuradas e será aberto um processo de averiguações interno”, refere o hospital, acrescentando que “o plano de incêndio do hospital e o plano de emergência interno foram prontamente ativados, possibilitando a deslocação dos doentes e dos profissionais, bem como o combate ao incêndio pelas equipas internas e pelas corporações de bombeiros”.

O caso está agora a ser investigado pela Polícia Judiciária.

O alerta do incêndio que deflagrou no piso 9 do Hospital de São João, foi dado às 17:43 horas deste domingo, estando no local, às 19:35, 21 operacionais com sete viaturas. O incêndio foi extinto às 19:00.

PUB
PUB
PUB

O incêndio ocorreu na ala de pneumologia do hospital e todos os doentes do piso onde o incêndio deflagrou foram transferidos para outros hospitais, tendo sido encerrada a urgência e desviados os doentes.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

País

Mais País

Patrocinados