SEF suspende vistos gold para cidadãos russos

26 fev, 17:50
Passaporte

A União Europeia aprovou na sexta-feira um regime de sanções e, segundo o ministro Santos Silva, "é muito provável que mais cidadãos russos venham a ser sancionados nos próximos dias"

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) suspendeu a apreciação de candidaturas para autorização de residência e investimento para cidadãos russos, avançou este sábado o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, à CNN Portugal.

"O SEF já suspendeu a apreciação de qualquer dossier de candidatura para autorizações de residência para investimento - vulgo vistos gold - de cidadãos russos", declarou Santos Silva.

Segundo o ministro, esta é uma forma de acautelar as sanções que vão ser adotadas contra a Rússia, depois do país ter invadido a Ucrânia: "O pacote de sanções aprovado pela União Europeia, com o voto favorável de Portugal, inclui sanções dirigidas a muitas centenas de pessoas. Qualquer cidadão russo, tenha ele nacionalidade portuguesa ou não, que faça parte dessa lista terá imediatamente os seus bens congelados em Portugal e ser-lhe-á interditada qualquer liberdade de movimentos".

"Isso aplica-se a qualquer cidadão russo, ou bielorrusso já agora, listado na lista europeia", acrescenta o ministro.

Portugal concedeu 431 vistos gold a russos que ao todo investiram 278 milhões de euros no país na última década.  Os cidadãos da Federação Russa estão há muito entre as nacionalidades com mais procura pelos vistos dourados portugueses, números que ganham relevância numa altura em que a União Europeia (UE), na sequência da invasão da Ucrânia, promete atacar os interesses económicos da Rússia e de quem apoia o regime de Vladimir Putin. 

Em 2021 foram 65 os russos a receber vistos gold por investimentos de 34 milhões de euros em território português, um pouco mais do que os 63 de 2020 (37 milhões de euros) e num novo máximo desde o início deste programa criado para captar investimentos de estrangeiros com muito dinheiro que o gastem em empresas ou (quase sempre) imobiliário.  

Relacionados

Governo

Mais Governo

Patrocinados