EUA aumentam fluxo de informações secretas fornecidas à Ucrânia

13 abr, 18:38
Joe Biden (AP Photo/Patrick Semansky)

Medida surge numa altura em que o país irá enviar mais armas para o país da Europa de Leste.

Os EUA irão aumentar o fluxo de informações secretas fornecidas à Ucrânia, para que seja mais fácil às forças do país atingir alvos russos na Crimeia e no Donbass, avança o Wall Street Journal esta quarta-feira.

O jornal americano afirma que a decisão de aumentar o fluxo de informações foi tomada na semana passada, e também pretende preparar melhor as tropas ucranianas para potenciais ataques russos.

Esta tomada de posição surge num momento em que o envio de armas para a Ucrânia também está a aumentar. Para esta quarta-feira, é esperado que a administração norte-americana anuncie o envio de mais 689 milhões em armamento para o país da Europa de Leste.

Entre o armamento já enviado, estão sistemas de artilharia, armas antitanque, mísseis Javelin e armas antiaéreas. Contudo, os EUA ainda não acederam ao pedido de Volodymyr Zelensky para o fornecimento de aeronaves de combate.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados