Subiu para quatro o número de vítimas mortais do tiroteio na escola do Michigan, Estados Unidos

Beatriz Céu , BCE
1 dez 2021, 18:59
Tiroteio em Idaho
Tiroteio em Idaho

Vítima tinha 17 anos e acabou por não conseguir resistir aos ferimentos

PUB

As autoridades de Oakland, nos Estados Unidos, avançaram esta quarta-feira mais uma vítima mortal do tiroteio numa escola secundária no estado Michigan. Trata-se do jovem Justin Shilling, de 17 anos, que não conseguiu resistir aos ferimentos sofridos durante o tiroteio, que provocou, assim, quatro vítimas mortais e pelo menos oito feridos.

O principal suspeito, um jovem de 15 anos que estudava naquela escola, disparou uma arma semiautomática sobre os colegas, acabando por matar Tate Myre, de 16 anos, Hana St. Juliana, de 14, e Madisyn Baldwin, de 17.

PUB

As causas do tiroteio, que durou cerca de cinco minutos, ainda estão por apurar e, de acordo com a polícia local, o suspeito, que já se encontra detido, não está a colaborar com as autoridades.

Há ainda sete pessoas em estado crítico no hospital, entre as quais uma professora daquela escola.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados