Portugueses com imunidade de 86,4% contra a covid-19, revela o INSA

22 dez 2021, 16:22
Pessoas na rua
Pessoas na rua

A seroprevalência total é mais elevada em pessoas entre os 50 e os 59 anos

PUB

A população portuguesa está com uma imunidade de 86,4%, revelou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge.

De acordo com os dados da 3ª fase do Inquérito Serológico Nacional COVID-19 (ISN COVID-19), do total da imunidade, 7,5% é atribuível a infeção anterior. Para o estudo, foram contabilizadas pessoas com um ou mais anos de idade.

PUB

“As regiões do Algarve e Açores foram aquelas em que se observou uma menor seroprevalência total (80,2% e 84,0%, respetivamente)”, lê-se no comunicado enviado às redações. 

A seroprevalência total é mais elevada em pessoas entre os 50 e os 59 anos (96,5%), em pessoas com o ensino superior (96,0%) e nos indivíduos com duas ou mais doenças crónicas (90,8%).

Já os grupos etários abaixo dos 20 anos são os que apresentam, atualmente, seroprevalências totais mais baixas (17,9% entre 1-9 anos e 76,8% entre os 10-19 anos).

Imunidade pós-infeção

“No que se refere à seroprevalência pós-infeção, os resultados da 3ª fase ISN COVID-19 indicam valores globalmente mais baixos do que os obtidos na 2ª fase do ISN COVID19 (7,5% vs 13,5%), o que, provavelmente, se encontra relacionado com o decaimento de anticorpos específicos para o SARS-CoV-2 ao longo do tempo pós-infeção”, esclarece o comunicado.

PUB
PUB
PUB

De acordo com o INSA, este padrão foi observado na maioria dos grupos etários e regiões de saúde. Porém, tal não se verificou no grupo etário entre 1-9 anos e nas regiões do Algarve e Açores.

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados