Joe Biden esteve 50 minutos ao telefone com Vladimir Putin

30 dez 2021, 21:43
Encontro entre Biden e Putin
Encontro entre Biden e Putin

Tensão na fronteira entre a Rússia e a Ucrânia foi o ponto principal da chamada

PUB

Os presidentes norte-americano e russo estiveram esta quinta-feira 50 minutos ao telefone, anunciou a Casa Branca.

Este telefonema surge três semanas após uma videoconferência entre Joe Biden e Vladimir Putin, ocorrida a 7 de dezembro, e serviu para "discutir uma série de tópicos, incluindo os próximos compromissos diplomáticos com a Rússia”,  segundo adiantou à CNN a porta-voz do Conselho de Segurança Nacional da Administração dos Estados Unidos, Emily Horne.

PUB

Fonte do Kremlin citada pela Reuters garantiu, já depois da reunião, que a conversa foi "aberta e abordou assuntos concretos". A mesma fonte revela que Biden voltou a ameaçar a Rússia com "grandes sanções" caso a atividade junto à fronteira ucraniana continuasse. Em troca, Putin pediu "garantias" a Biden, a afirmou que a Rússia agiria da mesma forma que os Estados Unidos caso a situação se invertesse, ou seja, se fossem colocadas "armas ofensivas" junto à fronteira norte-americana.

Por seu turno, a residência oficial do presidente dos Estados Unidos revelou que Biden pediu a Putin que reduzisse as tensões junto à fronteira com a Ucrânia, ou então o país e os seus aliados "irão responder decisivamente". 

PUB
PUB
PUB

Entretanto, a Casa Branca já divulgou uma fotografia de Joe Biden, na sua casa em Wilmington, no Delaware, durante a conversa com Vladimir Putin.

A iniciativa desta quinta-feira foi promovida por Putin, que disse esperar um diálogo "eficaz" com o seu homólogo dos Estados Unidos.

Numa declaração posterior, o porta-voz da presidência russa, Dmitri Peskov, reiterou que Moscovo quer resolver as tensões com o Ocidente através do diálogo.

"Só o caminho das negociações pode resolver a abundância de problemas imediatos entre nós", disse o porta-voz do Kremlin.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados