Covid-19: "irmãos ou primos" estão a ser vacinados mesmo sem autoagendamento

18 dez 2021, 12:09

"Autoagendamento é o que recomendamos, mas se uma família tiver uma criança já elegível para a vacinação, não vamos perder essa oportunidade", disse Graça Freitas

PUB

Durante todo o fim de semana, vai ser possível vacinar as crianças entre os cinco e os 11 anos, mesmo que os pais não tenham feito o agendamento no período indicado. A informação foi avançada em exclusivo à CNN Portugal pela Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, durante este sábado, num dos centros de vacinação.

Graça Freitas explicou que o autoagendamento é sempre preferencial, mas que não será dificultada a possibilidade de inocular um maior número de crianças.

PUB

"O processo de autoagendamento é o que recomendamos, mas se uma família tiver uma criança mais pequena, que já seja elegível para a vacinação, não vamos perder essa oportunidade. Têm estado a ser vacinados os irmãos ou os primos que venham à vacinação", disse a Diretora-Geral da Saúde.

Graça Freitas lembrou ainda que, até ao momento, o processo de inoculação destas crianças está a decorrer de forma célere. 

Para os pais que não foram a tempo de fazer o autoagendamento para vacinar as crianças no tempo útil, a Graça Freitas disse que os pais ainda podem levar as crianças durante o dia de amanhã aos centros de vacinação.

PUB
PUB
PUB

"Ou amanhã, que é um domingo, ou vão ter de esperar depois pelos dias da vacinação infantil em janeiro", rematou.

Recorde-se que, também este sábado, o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, avançou que as crianças de nove, 10 e 11 anos que não tenham conseguido agendamento para a vacinação contra a covid-19, podem comparecer durante a tarde nos centros de vacinação para serem inoculadas.

 

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados