«Importante será pontuar», diz Jaime Pacheco

4 dez 2001, 19:47

Sem medo do poder do Manchester O técnico axadrezado considera que um empate já será um bom resultado e não teme a influência que um clube como o Manchester poderá exercer

Pacheco sabe que um empate em Old Trafford já será «muito bom»: «Importante, essencialmente, será pontuar. Sabemos que este campeonato é muito curto, são só seis jogos, e um ponto em Manchester seria bastante bom. Mas para que isso seja possível, temos que ter os nosso níveis de motivação no máximo». 

Em relação ao poder que um clube da estatura do Manchester pode ter junto das grandes instâncias do futebol europeu, Jaime Pacheco quis desvalorizar a questão: «Temos muito respeito pelo Manchester, mas não vamos ter medo. Vamos pensar no jogo, no futebol que se vai praticar. Só nisso». 

Deste modo, o técnico do conjunto axadrezado não aderiu à fórmula das «forças estranhas» de que o seu adjunto Vítor Nóvoa se queixou após o empate em Paranhos, frente ao Salgueiros, expressão que, nessa altura, tinha a ver com questões apenas realcionadas com o futebol português...

Patrocinados