Mundial 2002: EUA chama apenas dois «estrangeiros» para particular com o México

30 mar 2002, 12:31

Só dois dos 18 convocados jogam em Ligas estrangeiras Os norte-americanos vão defrontar os mexicanos em partida de preparação para o Mundial.

O seleccionador dos Estados Unidos, Bruce Arena, divulgou a convocatória para o encontro particular frente ao México, que se realiza quarta-feira, em Denver. Os norte-americanos só contam com dois jogadores a actuar foram do país entre os 18 convocados: Frankie Hejduk (Bayer Leverkusen) e Greg Vanney (Bastia).

Os Estados Unidos são adversários de Portugal no Mundial da Coreia do Sul e Japão. Americanos e portugueses fazem parte do grupo D, juntamente com a Coreia do Sul e a Polónia. Os mexicanos pertencem ao grupo G e têm como adversários a Itália, Croácia e Equador.

Convocados:

Guarda-redes: Tim Howard (NY/NJ MetroStars), Tony Meola (Kansas City Wizards); 
Defesas: Carlos Bocanegra (Chicago Fire), Carlos Llamosa (New England Revolution), Eddie Pope (D.C. United), Frankie Hejduk (Bayer Leverkusen), Greg Vanney (Bastia), Pablo Mastroeni (Colorado Rapids); 
Médios: DaMarcus Beasley (Chicago Fire), Landon Donovan (San Jose Earthquakes), Cobi Jones (Los Angeles Galaxy), Brian Maisonneuve (Columbus Crew), Richard Mulrooney (San Jose Earthquakes), Brian West (Columbus Crew); 
Avançados: Ante Razov (Chicago Fire), Brian McBride (Columbus Crew), Clint Mathis (NY/NJ MetroStars), Josh Wolff (Chicago Fire).

Patrocinados