Gerente e contabilista detidos em fraude fiscal milionária na importação de carros

13 jan, 20:19
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária

Há também 12 pessoas constituídas arguidas, na sequência de diversas buscas realizadas na zona de Leiria e das Caldas da Rainha

PUB

Duas pessoas foram detidas pela Polícia Judiciária por suspeitas de ganhos a rondar os 20 milhões de euros, num esquema fraudulento de fuga ao fisco com o comércio de automóveis, em empresas de Leiria e das Caldas da Rainha.

Segundo informa, em comunicado, a Polícia Judiciária, a rede criminosa é suspeita de usar 14 empresas de fachada, entre 2016 e 2021, para poder "contornar a legislação europeia e nacional, de forma a não entregar o IVA"  – Imposto sobre Valor Acrescentado – em dívida.

PUB

Os dois detidos, gerente e contabilista, são suspeitos de crimes de fraude fiscal qualificada. Há também 12 pessoas constituídas arguidas, na sequência de diversas buscas realizadas na zona de Leiria e das Caldas da Rainha.

O inquérito decorre no Departamento de Investigação e Ação Penal de Leiria.

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados