Detido suspeito do tiroteio em estação de metro de Nova Iorque

Cláudia Évora | Pedro Falardo , Notícia atualizada às 21:42
13 abr, 19:27

Frank Robert James, de 62 anos, foi detido no bairro de East Village, em Manhattan, e não ofereceu resistência

A polícia de Nova Iorque (NYPD, sigla em inglês) já deteve o suspeito do tiroteio na estação de metro em Brooklyn, que fez 16 feridos na manhã de terça-feira. A notícia está foi avançada pela CNN Internacional, que citava três agentes, e entretanto oficialmente confirmada pela NYPD no Twitter.

Frank Robert James, de 62 anos, terá sido detido no bairro de East Village, em Manhattan. Encontra-se agora sob custódia. Keechant Sewell, comissária da NYPD, explicou numa conferência de imprensa que o suspeito foi "intercetado na rua". 

"Os agentes, respondendo a uma denúncia, detiveram o Sr. James às 13:42 (hora local) no cruzamento entre St. Marks Place e a Primeira Avenida, em Manhattan. Foi detido sem incidentes. Vai agora ser acusado por ter cometido os horríveis crimes de ontem. Quero agradecer a todos os investigadores que colaboraram nesta investigação", acrescentou. 

Na mesma conferência de imprensa, o autarca de Nova Iorque, Eric Adams, deixou um enorme agradecimento aos "homens e mulheres da NYPD", bem como outros agentes federais e equipas de emergência. 

"Caros nova-iorquinos, apanhámo-lo. Não consigo agradecer o suficiente aos homens e mulheres da NYPD, bem como aos agentes federais, polícia estadual, e equipas de emergência. Queremos proteger esta cidade e prender aqueles que querem trazer o terror para Nova Iorque", disse.

Frank Robert James vai ser julgado num tribunal federal e enfrenta várias acusações, entre elas "crime de terrorismo", explicou o procurador dos Estados Unidos para o distrito leste de Nova Iorque, Breon Peace. Como tal, pode ser condenado a pena perpétua.

Esta afro-americano já esteve detido pelo menos nove vezes, entre 1992 e 1998, por crimes como posse de arma proibida, furto e crimes sexuais. 

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados