VÍDEOS: PSG solta «génios» no Vélodrome e vence por 3-0

26 fev 2023, 21:55

Mbappé e Messi ao mais alto nível num jogo com cinco portugueses no relvado

O Paris Saint-Germain deu este domingo um passo seguro rumo à renovação do título gaulês ao vencer o Marselha, em pleno Vélodrome, por 3-0. A equipa da casa, a fazer uma grande temporada, até entrou melhor no jogo, mas os visitantes, com «socos» de Mbappé e Messi, em quatro minutos, deixaram o maior rival knock out.

O Marselha, com Nuno Tavares no corredor esquerdo, entrou forte no jogo, como já dissemos, com mais posse de bola e a empurrar o adversário para junto da sua área, com o lateral ex-Benfica em plano de destaque, até sobre a direita, onde apareceu, num lance aos 11 minutos, em que só foi travado pelo compatriota Nuno Mendes. Nesse mesmo lance, Kimpembe lesionou-se e foi rendido por Danilo Pereira, aumentando o número de portugueses em campo para quatro, ainda com o outro Vitinha no banco.

Mas quando as estrelas se conjugam, como aconteceu esta noite, é praticamente impossível travar o PSG. Em duas transições rápidas, entre o minuto 25 e o minuto 29, a equipa do Parque dos Príncipes fez dois golos e o jogo ficou praticamente resolvido. Na primeira, a bola passou por Vitinha que, ainda de costas, virou o jogo com um passe para Messi que, por sua vez, abriu um corredor para Mbappé ganhar velocidade e bater Pau Lopez pela primeira vez.

Na segunda, Mbappé combinou com Nuno Mendes sobre a esquerda e, com uma assistência do outro mundo, serviu Messi que só teve de encostar. À meia-hora de jogo, o PSG vencia por 2-0 e tinha o jogo controlado. O Marselha continuou a jogar bem, mas cada vez que arriscava no ataque, o PSG quase voltava a marcar.

Uma tendência que se manteve ao longo do jogo e, se ainda havia dúvidas, Messi e Mbappé desmontaram-nas logo a abrir a segunda parte. Mbappé deixou a bola em Messi e correu para o interior da área, o argentino picou-a sobre a defesa marselhesa e o francês rematou de primeira com o pé esquerdo para o 3-0. Génios à solta no Vélodrome.

Com este segundo golo, o internacional francês chegou aos 200 golos marcados pelo PSG, igualando o recorde detido pelo uruguaio Edison Cavani.

O Marselha nunca baixou os braços, Vitinha e Payet ainda foram chamados ao jogo, mas o PSG já tinha alcançado o que pretendia.

Uma vitória categórica que permite à equipa de Christophe Galtier aumentar para oito pontos a vantagem sobre o rival no topo da classificação da liga francesa.

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados