Médicos de família em protesto: “Esta situação é totalmente inaceitável”

16 jul, 22:19
Cerca de duas centenas de médicos de família estão hoje concentrados à frente do Ministério da Saúde contra a medida do Governo que admite a contratação de clínicos sem especialidade para os centros de saúde. O bastonário da Ordem dos Médicos considerou hoje “totalmente inaceitável” a atuação do Governo face aos especialistas de medicina geral e familiar e exigiu melhores condições para fixar estes profissionais no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Patrocinados