F1: Ferrari do sexto título de Schumacher leiloado por valor recorde

10 nov, 08:48
Michael Schumacher em 2003, pela Ferrari, na Fórmula 1

Carro pilotado em 2003 foi vendido por 14,81 milhões de euros

O Ferrari pilotado em 2003 pelo alemão sete vezes campeão de Formula 1, Michael Schumacher, que se encontra em perfeito estado de funcionamento, foi leiloado na quarta-feira, pelo valor recorde de 14,81 milhões de euros.

O valor registado no leilão em Genebra é quase o dobro do anterior recorde de 7,5 milhões de euros, de outro carro da Ferrari, também pilotado por Schumacher, durante a temporada de Formula 1 de 2001, que a Sotheby's leiloou em 2017 em Nova Iorque.

«Carros de Fórmula 1 desta qualidade e procedência raramente chegam ao mercado e este carro em particular é o melhor dos melhores», sublinhou Augustin Sabatié-Garat, diretor de vendas da casa de leilões da Sotheby's, referindo que o F2003-GA Chassis 229 alcançou «um preço recorde para um Fórmula 1 da era moderna».

A casa estimava arrecadar um valor entre os 7,5 e 9,5 milhões de euros, mas após um leilão intenso, um dos compradores subiu a parada em 500 mil euros de uma só vez e assegurou o Ferrari de 2003.

A identidade do novo proprietário não é conhecida, mas a casa de leilões indicou que este é da Europa.

O F2003-GA com motor V10 está em perfeito estado de funcionamento, sublinhou a Sotheby's.

O carro foi guiado pelo filho de Michael Schumacher, Mick, atualmente piloto na Formula 1 pela Haas, na pista de testes da Ferrari em Fiorano, antes da venda.

Relacionados

Patrocinados