Verstappen lança 'farpa' a Hamilton: «É mais barato conduzir sem cinto»

26 nov 2021, 14:26
GP Países Baixos em Fórmula 1 (AP Photo/Francisco Seco, Pool)

Piloto da Redbull, que pode sagrar-se campeão da Fórmula 1 na próxima corrida, assume rivalidade com o britânico

Separados por apenas oito pontos, Max Verstappen e Lewis Hamilton podem resolver as contas do mundial de Fórmula 1 já na próxima corrida, em Abu Dahbi, na Arábia Saudita.

O piloto dos Países Baixos lidera a disputa e assumiu a rivalidade com o piloto britânico.

«Acho que é normal quando se trata de duas equipas [a disputar o campeonato]. É natural quereres dificultar as coisas ao teu rival. É um processo que já foi visto no passado», assumiu à estação televisiva DAZN.

A 'luta' entre os pilotos da Red Bull e da Mercedes ficou ainda mais acesa após o incidente no Grande Prémio do Brasil. Verstappen foi multado em 50 mil euros por tocar na asa traseira do carro de Hamilton, mas não se deixou ficar e deixou uma 'farpa' ao rival.

«Tranquilo, nunca mais tocarei na asa traseira. Se fizer isso, terei que pagar uma boa multa. Aparentemente, conduzir sem cinto de segurança é mais barato. Vou ter isso em conta», ironizou, devido à penalização de cinco mil euros imposta a Hamilton, por retirar o cinto de segurança antes de tempo.

O piloto da Red Bull tem recebido várias demonstrações de apoio com a 'onda laranja' a invadir muitas das pistas. «Não preciso que as pessoas me motivem, mas quando entras no carro e vês tudo tingido de laranja dá-te uma sensação...», reconheceu.

No fim de semana de 3 a 5 de dezembro, Max Verstappen tem a oportunidade de sagrar-se, pela primeira vez, campeão mundial de Fórmula 1, ainda que este cenário seja improvável, pois só é possível caso Hamilton fique longe do pódio.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados